Seleção FI da Série C tem meio de campo ‘recheado’ e autor de golaço

11/07/2018
Foto: Pedro Cruz/Assessoria
Foto: Pedro Cruz/Assessoria

Neste edição, o time vem com cinco homens no meio de campo, mas sem muita retranca, já que são jogadores leves ou com qualidade de passe, tanto que todos balançaram a rede. Destaque também para o lateral-direito Bryan, que marcou um golaço do meio da rua.

Confira:

Victor Souza (Cuiabá);

Bryan (Náutico), Gladstone (Botafogo-PB), Daniel Felipe (Volta Redonda) e Alfredo (Atlético-AC);

Charles (Santa Cruz), Erick (Operário-PR), Luiz Henrique (Náutico), Eduardo Ramos (Cuiabá) e Eduardo (Atlético-AC);

Adriano Paulista (Bragantino),

Técnico: Marcelo Veiga (Bragantino)

Goleiro: Victor Souza (Cuiabá)
Fez uma partida muito segura para frear o ímpeto do Tupi, jogando na casa do adversário, com boas saídas na bola aérea. Mas foi decisivo mesmo ao defender uma cobrança de pênalti aos 11 minutos do segundo tempo.

Lateral-direito: Bryan (Náutico)
Já vem se destacando há algum tempo e está ganhando cada vez mais confiança. Na vitória por 3 a 2 fez uma grande partida e roubou ao marcar um golaço de muito longe para virar a partida, quando o placar estava empatado por 1 a 1.

Zagueiro: Gladstone (Botafogo-PB)
Depois de seis jogos sem vencer, era fundamental que o Botafogo conquistasse os três pontos atuando em casa diante do ABC. E a vitória veio da melhor forma, com a equipe não levando nenhum gol. Gladstone teve boa participação neste feito. O triunfo deixa o clube muito vivo na luta pela classificação.

Zagueiro: Daniel Felipe (Volta Redonda)
O Voltaço entrou em campo pressionado diante do forte Botafogo-SP, que poderia assumir a liderança do Grupo B. Mas o sistema ofensivo tricolor pouco produziu devido a forte marcação imposta pelos donos da casa. Daniel Felipe teve uma boa atuação, com desarmes precisos e poucas faltas cometidas.

Lateral-esquerdo: Alfredo (Atlético-AC)
Muito participativo, foi solidário na defesa e soube a hora certa de subir ao ataque, auxiliando com muita intensidade. Por fim, marcou um dos gols da vitória por 2 a 1 sobre o Salgueiro e participou do gol de Eduardo atrapalhando a defesa adversária – e quase roubando o gol do companheiro.

Volante: Charles (Santa Cruz)
Willian Maranhão não vinha realizando uma boa partida e por isso deu lugar para Charles, que entrou justamente quando o Remo esboçava uma pressão em busca do empate. Depois de fazer sua parte lá atrás, o volante tricolor garantiu a vitória em cobrança de falta nos acréscimos. Contou com uma dose de sorte, pois a bola desviou na barreira e entrou no cantinho.

Volante: Erick (Operário-PR)
Com apenas 20 anos, vem mostrando muita consistência na disputa da Série C, mesmo não sendo titular absoluto. Na vitória por 3 a 1 sobre o Joinville se destacou pela marcação intensa no meio de campo, atém de ter marcado um dos gols do time paranaense.

Volante: Luiz Henrique (Náutico)
É o dono do meio de campo do Timbu. Aos 21 anos, vem mostrando muita qualidade, se multiplicando no gramado. Corre o campo todo e consegue ajudar com intensidade tanto no ataque como na defesa. Na vitória por 3 a 2 sobre o Confiança, fez tudo isso, um gol e foi muito elogiado pelo técnico Márcio Goiano.

Meia: Eduardo Ramos (Cuiabá)
O experiente e rodado meia vem fazendo a diferença para o Cuiabá na disputa desta terceira divisão nacional. Com inteligência, comandou o meio de campo na vitória por 3 a 1 sobre o Tupi e marcou dois gols, chegando a marca de seis tentos em dez partidas.

Meia: Eduardo (Atlético-AC)
Ao lado de Alfredo, foi o grande desta na vitória por 2 a 1 sobre o Salgueiro. Chamou a responsabilidade e liderou o triunfo atleticano. Marcou o primeiro gol da partida e agora é o artilheiro isolado do líder do Grupo A, com sete gols marcados.

Atacante: Adriano Paulista (Bragantino)
Voltou ao time após o integrar o elenco que conquistou o acesso na Série A2 do Paulista do ano passado e não decepcionou. Por enquanto, disputou apenas dois jogos, mas já marcou três gols, dois deles na vitória por 2 a 1 sobre o Tombense.

Técnico: Marcelo Veiga (Bragantino)
Vem apostando em seus jogadores de confiança e colhendo bons resultados. Apesar de momentos de oscilação, é fiel ao método de trabalho e viu o time jogar do jeito que ele gosta no triunfo sobre o Tombense.

Futebol Interior

Notícias relacionadas...

Mais notícias

Nossos Anunciantes