Vereador Coronel Sobreira cobra solução para frear o aumento dos acidentes com ciclistas em João Pessoa

12/05/2021
ciclismosobreira2

O Vereador Coronel Sobreira (MDB) demonstrou preocupação com os dados de acidentes envolvendo ciclista em João Pessoa, divulgados pela Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana (Semob-JP). Entre os anos de 2017 e 2020, foram 1.892 casos de ciclistas vítimas de acidentes na Capital, segundo o órgão.

Coronel Sobreira cobrou solução para frear esse aumento anual de casos. “Em toda sessão da câmara de João Pessoa, até de forma insistente, eu falo da necessidade que a capital tem de melhorar e ampliar as ciclovias. Temos ciclovias prontas que precisam apenas de uma restauração, como é o caso da Avenida Tancredo Neves. Temos trechos que precisam ser construídas ciclovias. E temos muita gente querendo usar bicicleta como meio de transporte e não tem condições de trânsito para isso. Além dessa demanda, temos o dado alarmante de 1.892 ciclista vítimas de acidente de 2017 até dezembro do ano passado. Algo precisa ser feito pelo poder público urgentemente”, destacou o Vereador.

ciclismosobreria

Trecho do medo – O Vereador Coronel Sobreira apontou a ladeira do Cabo Branco como “o trecho do medo”, onde acidentes envolvendo ciclista são registrados diariamente. “Houve uma tentativa de ordenamento feito pela atual gestão do prefeito Cícero Lucena no local, tentando disciplinar o trânsito de ciclistas e pedestres, mas é preciso avançar mais. Além do trânsito de veículos lá não ser proibido em hora nenhuma, como é no restante da orla até 8h da manhã, as bicicletas descem naquela ladeira em altíssima velocidade e vem fazendo vítimas. Já cobrei interdição do trecho, presença maior de agentes da SEMOB e não só deixar os cones lá e sair. Estou aguardando resposta e enquanto isso os acidentes continuam”, alertou.

Avenidas como Cruz das Armas – que liga os bairros da zona oeste ao centro – e a Epitácio Pessoa, a principal da cidade, não tem nenhuma estrutura para a locomoção de ciclista. Na Avenida Epitácio Pessoa, onde a gestão fez uma requalificação de mais de 13 milhões, o projeto não contemplou ciclovias.

Conforme dados da Seção de Geoprocessamento e Estatística da SEMOB-JP, a capital passou de 447 acidentes registrados em 2017 para 487 em 2020. Entre as soluções apresentadas pelo Vereador Coronel Sobreira na câmara, estão a restauração das ciclovias de João Pessoa, construção de novas rotas para os ciclistas e a instalação de bicicletários nas repartições públicas e privadas.

Assessoria

Notícias relacionadas...

Mais notícias

Nossos Anunciantes